Cartão de Visitas Home Área Produtores A Fruta Perguntas Frequentes
Cartão de Visitas
Home
Área Produtores
A Fruta
Perguntas Frequentes
Eventos
Ácaro Erinose
Receitas
Classificados
Políticas Portal
Banco Imagens
Longan
Rambutan
English
Italiano
Français
Gestão
Assinantes

O Ácaro da Lichia é uma peste que acomete a cultura da lichia no Brasil já há alguns anos. No início de sua ocorrência no Brasil pouco se conhecida a respeito dessa praga.

Sabia-se apenas de seus efeitos: enrrugava as folhas das lichieiras, criava bolhas nelas, criava um tipo de veludo marrom na parte inferior das folhas, e depois começou-se a conhecer que também acometia as inflorescências das lichieiras resultando em perda de potencial produtivo e também dos próprios frutos, tornando-os impróprios ao consumo ou depreciando-lhes sensivelmente o valor comercial.

Após alguns anos de pesquisas a comunidade científica unida buscou soluções sem contudo chegar a uma solução definitiva. Lichias.com liderou seminários e workshops, financiou pesquisas e desenvolvimento de fitoterápicos e homeopáticos, enfim, uma luta constante para tentar alcançar um remédio para o problema.

Até os dias atuais (2012) o melhor método que encontramos para o controle satisfatório à infestação pelo ácaro da erinose na lichia, foi a poda preventiva e poda de controle.

Neste vídeo você pode conhecer um pouquinho mais sobre os resultados dessa técnica.



Há quanto tempo Lichias.com tem conhecimento do Ácaro da lichia e desde quando a praga tem provocado prejuízos?

É preciso separar essa questão em Ácaro no Brasil e fora do Brasil. Fora do Brasil, o Ácaro já existe em todos os países do mundo que tenham lichicultura, exceto a África do Sul, país que aparentemente ainda está imune à presença dele.

China, Índia, Austrália, Estados Unidos, etc... já tem esse Ácaro há anos. No Havaí tem relatos desse Ácaro já no início dos anos 1900. Então não é um problema atual, é já bastante antigo isso. A própria lichicultura é milenar.

Existem exemplares de lichieiras com mais de um milênio de vida, e que ainda estão produzindo, na China.

No Brasil, temos conhecimento literário da existência desse Ácaro há alguns anos, quando algum material sobre lichicultura começou a aparecer na internet, em português. Até então, apenas literatura estrangeira referenciava o problema. Normalmente em inglês ou chinês.

Desde 2006 temos conhecimento do problema chegado no Brasil, época em que ouvimos falar que alguma plantação no Brasil estava infectada. As informações que nos chegaram, é de que uma das primeiras ocorrências do Ácaro foi na região de Tambaú, próximo a Ribeirão Preto, e isso já no final do ano 2004, porém nós só tomamos conhecimento mesmo em 2006, através de conversas informais no meio do agronegócio da lichia.

Prejuízos a praga provoca a partir do momento em que infecta uma nova planta, assim sendo, se já haviam plantas infectadas em 2004, pode-se deduzir que prejuízos já

foram sentidos desde aquela época. A questão que se coloca é: quanto prejuízo tem provocado!

As perdas em pomares por causa do Ácaro da Erinose decorrem de queda de produtividade? As plantas chegam a frutificar ou nem isso?

Sim, as perdas em safra decorrem de queda de produtividade dos pomares, vez que o Ácaro que normalmente se inicia nas folhagens, acaba migrando para as inflorescências, resultando em perda da produção do respectivo cacho de lichia.

As plantas chegam a frutificar dependendo do grau de infestação.
Se a infestação for muito grande, a produção de todo o exemplar poderá ser comprometida enquanto o Ácaro não for controlado. Se a infestação for parcial, a parte não afetada frutificará normalmente.

Quais são os principais sintomas do ataque do Ácaro da Erinose e em que fase do pomar ele costuma atacar?

Os sintomas são visuais.
O Ácaro se aloja na parte interna da folha, pois não reage bem à exposição à luz solar.

Na conseqüência fica difícil, num primeiro momento, constatar a infestação, pois seria necessário ficar olhando as folhas de dentro da árvore para fora, e não o contrário. Com o decorrer do desenvolvimento da colônia de Ácaros, eles vão escarificando (cortando, arranhando superficialmente) a folha.

Nesse processo, não se sabe ao certo, mas eles criam um ecossistema favorável ao desenvolvimento de uma alga (conhecida como veludo marrom) e há uma relação de simbiose entre o Ácaro e a alga.

Nesse microambiente ele vive, se alimenta e se reproduz.
Quando chega nesse ponto, a ação de uma toxina produz bolhas na folha da lichia e a partir daí fica bem mais visível externamente que a planta está infectada. Até esse momento, só um exame detalhado da planta para poder constatar e confirmar a existência do Ácaro nela. Entendendo fase como idade, respondo que em qualquer fase. O Ácaro tem preferência por folhas e brotos novos.

Geralmente estão infectando o crescimento vegetativo. Folhas velhas não são sua preferência. Assim sendo, em todas as etapas da vida de uma lichieira ela apresenta folhagem nova, todos os anos, assim sendo não existe uma idade ou fase específica na qual o Ácaro se manifeste. Basta que o exemplar esteja tendo brotações para se tornar um exemplar ideal ao Ácaro.

Como faço para controlar o Ácaro da Erinose em meu pomar?

As práticas que auxiliam no controle e manejo da cultura infectada são de diversas ordens.
Podemos classificá-las sob o aspecto estratégico, como preventivo (profilático) e corretivo (remediativo).

Podemos classificá-las sob o aspecto operacional, como físico (manejo), químico (defensivos) ou biológico (agentes naturais).

Como medidas estratégicas, sugerimos medidas na política de acesso à propriedade, até na política de recebimento de embalagens para carga.
Controle no acesso de pessoas e coisas na propriedade.

Eventualmente, a para alguns pomares mais estruturados, pensamos até em ambientes para desinfecção, inclusive de máquinas e implementos agrícolas.

Se for para cuidar, porque não cuidar bem, não é verdade?

Como medidas operacionais e de manejo, recomendamos: poda correta, manejo adequado sempre supervisionado por um profissional competente.
Essa condição é essencial para o controle quando já há a infestação, e isso passa também pela possibilidade do controle biológico do Ácaro.

Tudo isso é muito explorado, apresentado, discutido e debatido nos nossos eventos periódicos DIA DE CAMPO LICHIAS.COM com o Prof. Osvaldo.

Recentemente encontrei micro Ácaro nas minhas árvores de lichia. Por favor qual o remédio devo usar?

Remédio nenhum.
Trata-se do Ácaro da Erinose, provavelmente, e não existem remédios licenciados para esse fim. Veja nestas FAQs as orientações que damos para o manejo correto dessa praga.

Minhas lichieiras estão apresentando uma deformação e bolhas nas folhas. O que é isso?

Uma descrição assim indica aparentemente a presença do Ácaro da Erinose no pomar. Veja nestas FAQs outras respostas de como se portar diante dessa infestação.

Um produtor consegue identificar o Ácaro da Erinose da lichia simplesmente observando as plantas?

Sim, fazendo um exame pelo lado interno na folhagem, pode-se constatar a presença do Ácaro mesmo antes de as folhas apresentarem bolhas ou começarem a ficar retorcidas e enrugadas.

Quando avançado o estado da infestação, fica bem mais fácil de se constatar, pelo fato de que a folha se torce inteira, apresenta bolhas, e o veludo marrom chega a ficar bem visível.

Constatei que em meu pomar ou lichieiras estão com presença do Ácaro da Erinose. Como devo proceder? Posso usar algum tipo de agrotóxico? Vocês me recomendam algum tipo de adubação?

A poda preventiva é uma boa medida profilática, entretanto é indispensável que a poda seja feita com cuidado e que realmente elimine todos os focos da infestação.

Entretanto, não basta a poda, é indispensável à correta destinação do produto desta, vez que o Ácaro da Erinose, quando coletado demonstra ter capacidade de sobrevivência por até uns 15 dias, e esse fato desperta a atenção sobre os cuidados que devemos tomar quanto ao produto de sua poda, o qual deve ser corretamente eliminado.

Sugerimos que as folhas e galhos podados sejam incinerados adequadamente.

O transporte desse material também deve ser feito com cautela, evitando que populações de Ácaro e seus ovos venham a cair pelo trajeto, esparramando novos indivíduos patogênicos por outras áreas do pomar.
Quanto ao questionamento sobre uso de agrotóxicos, nós não recomendamos.

Não existem agrotóxicos licenciados para o uso em pomares de lichia, e na conseqüência, o uso de agrotóxicos de outras culturas nos cultivares de lichia seria uma prática incorreta sob o aspecto jurídico inclusive, podendo colocar o produtor em dificuldades administrativas diante das sanções a que se sujeitam os produtores que façam uso de produtos químicos não licenciados. O simples controle e manejo do Ácaro já são suficientes para permitir ao produtor que sua cultura seja comercialmente viável.

Existem boas práticas na agricultura que demonstram isso, e nós, Lichias.com, regularmente temos feito um evento que se chama Um Dia de Campo - Lichias.com, no qual o Prof. Osvaldo Yamanishi ensina com grande paixão a forma correta de controlar o Ácaro sem uso de nenhum agrotóxico ou pesticida. Nós nos empenhamos nessa linha de conduta

O motivo dessa praga é a simples transmissão por vários tipos de vetores possíveis. Pode ter sido levado ao seu pomar pelo vento, por insetos, por pessoas que visitaram pomares contaminados e depois tiveram contato com as suas árvores, por pássaros, por pequenos roedores, por utensílios utilizados em pomares infectados, por veículos, tratores ou mudas novas adquiridas e já infectadas, enfim, uma enorme lista de probabilidades.

Talvez você, diante desses exemplos, consiga colocar em evidência o fato que levou à contaminação de seu pomar. A adubação da lichieira deveria ser precedida de uma análise do respectivo solo, vez que a incorreta adubação poderia levar a conseqüências indesejadas. Para exemplificar, temos informações de que o excesso de nitrogênio poderia favorecer ainda mais a infestação pelo Ácaro da Erinose.

O excesso de outros nutrientes pode levar o exemplar a uma situação de conforto vegetativo que reduza a sua disponibilidade de frutificação. Então, sem uma análise do solo fica muito abstrato sugerir uma adubação.

Recomendamos a análise prévia, e havendo interesse da sua parte, poderemos analisar os dados laboratoriais resultantes, caso você nos envie. Considere que esse serviço de análise de resultados laboratoriais tem custo.

Tenho alguns pés de lichia em minha casa e estão infestados com o Ácaro da Erinose. Gostaria de saber sobre a existência de algum produto natural que eu possa utilizar para prevenir novos ataques, uma vez que os ramos afetados estão sendo podados.

Estamos em fase de aprovação de um produto orgânico para esse fim.
Nos testes que empreendemos os resultados foram muito satisfatórios.

Visite regularmente o Portal Lichias.com para verificar o andamento desses testes. Brevemente publicaremos lá os resultados.

Nas folhas de minhas lichieiras estou constatando um tipo de penugem, um aveludado marrom. Do que se trata?

Uma descrição assim indica aparentemente a presença do Ácaro da Erinose no pomar. Veja nestas FAQs outras respostas de como se portar diante dessa infestação.

Tenho um pé de lichia, entretanto agora com quatro anos agora apareceu uma praga nas folhas mais novas gostaria de saber se tem alguma coisa a ser feito para combater essa praga.

Com a pequena descrição que você nos dá, temos quase certeza de que sua lichieira está com a praga conhecida como Ácaro da Erinose. Para você melhor identificar se é ou não essa praga, observe se as folhas estão apresentando um veludo marrom na parte interna, ou seja, na parte da folha que está à sombra.

Observe também se as folhas começam a apresentar deformidades e deformações que parecem com bolhas. Se assim for, é certo que você tem um exemplar infectado por essa praga.

Essa praga não tem nada a ver com a idade do seu exemplar. Se sua lichieira tivesse apenas um ano ou tivesse já algumas décadas de vida, a praga a infestaria da mesma forma. Portanto não pense que é pelo fato de sua lichieira ter 4 anos que essa praga apareceu, ok?

O procedimento correto varia bastante e se inicia com a poda correta. Já divulgamos muito como tratar disso em nosso Portal Lichias.com.

Faça uma visita ao Portal e acesse a seção Ácaro da Erinose e você terá uma informação bem detalhada de como fazer a poda e controle dessa praga. Se a ocorrência que você constatou não apresenta as características que descrevi acima, então nos envie fotos e mais detalhes para que possamos auxiliá-lo de forma mais precisa, ok? Esperamos tê-lo ajudado. Um abraço.

Tenho uma chácara alguns pés de lichia já produzindo. As folhas estão enrugadas não sei se seria algum fungo. O que pode ser?

Pela descrição não se trata de fungo mas sim do Ácaro da Erinose. Veja nestas FAQs outras respostas de como se portar diante dessa infestação.

Tenho um pé de lichia com uns cinco anos, agora está aparecendo uns pontos de ferrugem nas folhas e não sei cuidar. O que é e como devo tratar?

É possível que esse sintoma seja diagnosticado como presença de Ácaro da Erinose em sua lichieira.

Gostaria de orientações sobre o combate ao Ácaro da Erinose. Qual o acaricida adequado e se é possível o combate biológico? Quais os procedimentos para combatê-lo e preveni-lo.

Veja nestas FAQs outras respostas de como se portar diante dessa infestação.

Tenho um pomar de muitas árvores de lichia que estão com Ácaros. Gostaria de orientação de como combater a praga.

Veja nestas FAQs outras respostas de como se portar diante dessa infestação.


Tenho em meu sitio alguns pés de lichia e estão apresentando mini Ácaros. Como devo combater essa praga?   

Veja nestas FAQs outras respostas de como se portar diante dessa infestação.

Cartão de Visitas | Home | Área Produtores | A Fruta | Perguntas Frequentes
Site Map